• Leia mais notícias de SEGURANÇA
Casal é preso no PR por avisar local de blitz em grupo de WhatsApp, diz polícia
Adicionada: 12/05/2019
 



Eles podem responder por atentado contra a segurança de

serviço de utilidade pública, segundo a PM.



Um casal foi preso neste sábado (11) suspeitos de divulgar em um grupo de WhatsApp uma blitz que era realizada pela Polícia Militar no Bairro Jardim Panorama, em Sarandi, no norte do Paraná. A polícia descobriu e fez a abordagem.

 

De acordo com a PM, eles foram presos por desobediência porque houve resistência durante a abordagem, e vão responder por atentado contra a segurança de serviço de utilidade pública.

 

Ainda conforme a polícia, não existe uma lei que diga claramente que a divulgação de ações policiais configure um crime, mas a atitude é considerada ilegal e pode acarretar em pena de reclusão de um a cinco anos e multa.

 

O casal assinou um termo circunstanciado e foi liberado.



Fonte: G1/PR - Foto: Reprodução/RPC
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.