• Leia mais notícias de POLÍTICA
Governo de SC estima gastar mais de R$ 1 milhão para manter residência do Governador
Adicionada: 08/05/2019
 



O contrato emergencial foi firmado em abril e tem vigência inicial até setembro. Imóvel funciona como residência oficial e local de trabalho do governador.



O Governo do Estado estima gastar R$ 1,1 milhão com serviços de manutenção da Casa d'Agronômica, em Florianópolis, que é a residência oficial e local de trabalho do governador Carlos Moisés (PSL). O contrato, sem licitação, foi firmado em abril e tem vigência até setembro de 2019. No entanto, pode ser prorrogado até a conclusão do novo processo licitatório.

 

O contrato, que prevê o pagamento de R$ 196.233,66 ao mês, foi assinado de forma emergencial para dar continuidade aos trabalhos enquanto o processo não é concluído, de acordo com o governo. A nova licitação está prevista para ocorrer até final de junho. Entre os serviços previstos estão de cozinha, copa, garçons, jardinagem e zeladoria.

 

Ainda conforme o governo, a intenção é rever os gastos e gerar economia com a nova licitação. O contrato tem dispensa de licitação com a empresa, que já fornecia os serviços com o mesmo valor praticado há 5 anos. Além disso, por se tratar de edifício histórico e estar localizado em terreno de grande dimensão, exige cuidados diários, segundo a administração.

 

A Casa d'Agronômica também serve como gabinete do chefe do Executivo, desde o recomeço das obras de recuperação e reestruturação do Centro Administrativo do Governo do Estado em fevereiro.



Fonte: G1/SC - Foto: Governo do Estado/Divulgação
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.