• Leia mais notícias de GERAIS
Instabilidade da energia elétrica é cerne de discussão em reunião ordinária da Acislo
Adicionada: 08/05/2019
 



Para o presidente da Acislo, foi uma reunião plena, onde diversos assuntos importantes foram debatidos. 



Assunto de discussões no conselho superior e na diretoria da Associação Empresarial São Lourenço do Oeste (Acislo), a instabilidade da energia elétrica no município voltou a ser pautada na reunião ordinária da entidade, nesta segunda-feira (6). O gerente das Centrais Elétricas de Santa Catarina (Celesc), agência de São Lourenço do Oeste, André Naibo, participou da conversa e trouxe informações e esclarecimentos. Ao longo da reunião, a consultora de núcleos da associação, Ana Paula Tavares, apresentou as ações dos núcleos. Jandir Bortoluzzi e Lenir Pavan, vice-presidente e consultora regional Noroeste da Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina (Facisc), respectivamente, também participaram da reunião.

 

Lembrando que a entidade está tratando do assunto de forma cautelosa, o presidente da Acislo, Marcio Nierotka, afirmou que a questão da energia passou a ser uma das prioridades da entidade, pois a instabilidade causa prejuízos significativos às empresas. “Já discutimos o assunto algumas vezes, mas vamos voltar ao tema tantas quantas forem necessárias”, disse ele adiantando que na sexta-feira (10) o conselho superior da associação se reúne novamente e uma das pautas é a energia.

 

Sobre as ações dos núcleos, Nierotka lembra que é uma forma de fortalecer o associativismo. “Como foi apresentado, há uma série de atividades sendo desenvolvidas pelos núcleos que acabam contribuindo com o desenvolvimento do município e fortalecendo as próprias empresas”, observa ele.

 

Para o presidente da Acislo, foi uma reunião plena, onde diversos assuntos importantes foram debatidos. “O objetivo dessas reuniões é abrir a discussão sobre questões do interesse dos associados e da comunidade e buscar uma solução ou entendimento. O foco da entidade é representar a classe empresarial, prestar um serviço de qualidade e ágil e contribuir com o desenvolvimento do município de forma geral”, conclui Nierotka. 



Fonte: Acislo - Foto: Assessoria
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.