• Leia mais notícias de GERAIS
Dr. Léo conta sua história no Café Empresarial em São Lourenço do Oeste
Adicionada: 30/04/2019
 



De forma descontraída, inclusive com algumas histórias engraçadas,

Dr. Léo fez o público viajar no tempo.



Em São Lourenço do Oeste desde 1964, Léo Carlos Silveira, ou Dr. Léo, como é conhecido, contou, na manhã desta terça-feira (30), sua trajetória pessoal e profissional durante a 24ª edição do Café Empresarial da Associação Empresarial de São Lourenço do Oeste (Acislo). O bate papo foi acompanhado por mais de 50 pessoas.

 

De forma descontraída, inclusive com algumas histórias engraçadas, Dr. Léo fez o público viajar no tempo. Ao longo da conversa ele relembrou que foi o segundo médico veterinário a atuar em São Lourenço do Oeste, falou do tempo que atuou junto ao Estado, das dificuldades e da participação na constituição de muitas entidades como o Clube Recreativo Araucária (CRA) e CTG Amizade sem Fronteiras. “Estou envolvido com a comunidade desde que cheguei a São Lourenço do Oeste”, falou frisando que também deu sua contribuição na política, atuando como vereador de 1970 a 1973.

 

“Fiz uma síntese do que fiz, estou fazendo e vou fazer por São Lourenço do Oeste. Muita gente fala que tenho que parar, mas o trabalho é uma forma de se manter ativo”, resumiu a palestra e a vida.

 

 

Avaliação

 

Destacando que a medicina e a medicina veterinária são profissões que requerem um carinho especial dos profissionais, pois ambas trabalham com vidas, o presidente da Acislo, Marcio Nierotka, disse que foi um prazer ouvir a história do Dr. Léo. “É uma trajetória que acaba se integrando com a história de São Lourenço do Oeste”, observou.

 

Repetindo que o Café Empresarial é um dos mais importantes eventos realizados pela associação, Nierotka frisa que a entidade cumpre com o papel de proporcionar momentos de aprendizado e troca de experiências. “Ele [Café Empresarial] tem um significado especial para o município e para o associado, pois é a oportunidade de conhecer vivências, experiências e vidas”.

 

Além de valorizar a trajetória do empresário, o presidente da Acislo afirma que o Café Empresarial permite o desenvolvimento das pessoas que participam. Defensor do formato, o Nierotka adianta que o Café Empresarial permanece no cronograma de eventos da entidade. “O papel da associação é buscar oportunidades e formações para o empresariado”, disse prevendo novas edições do evento ao longo da gestão.



Fonte: Acislo - Foto: Assessoria
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.