• Leia mais notícias de ESPORTES
Grêmio inicia série de decisões contra o Rosário por sobrevivência na Libertadores
Adicionada: 10/04/2019
 



Tricolor precisa dos três pontos para seguir na disputa

por uma das vagas do grupo H



A primeira vitória na Libertadores não pode mais ser adiada. O Grêmio entra em campo na noite de hoje, a partir das 21h30min, na Arena, para enfrentar o Rosario Central. E só os três pontos diante dos argentinos mantêm acesa a esperança de avançar às oitavas de final. 

 

É o chamado jogo de “vida ou morte” para o Tricolor. Em três partidas até agora no Grupo H, foram duas derrotas e um empate. Uma campanha muito aquém do que era esperado para o time de Renato Portaluppi. Além dos resultados negativos, o Grêmio acumulou péssimas atuações, principalmente nas derrotas para Libertad e Universidad Católica. O fraco desempenho deve fazer com que o treinador promova mudanças na equipe para hoje. 

 

A expectativa é pelo aproveitamento dos garotos Matheus Henrique e Jean Pyerre desde o início, nos lugares de Michel e Luan. Outra alteração é o retorno do centroavante André, em substituição a Diego Tardelli. A opção por atuar sem um centroavante de ofício no Chile, na derrota para a Católica, não foi bem-sucedida. “Estamos confiantes que a classificação vai vir. E contamos com um torcedor também confiante na Arena, precisamos disso, é um casamento, nós dentro e eles fora do campo, vamos lutar até o fim”, disse André.

 

“Libertadores é um campeonato competitivo. Todos os times se entregam, independente de estar bem ou mal. Temos que igualar na vontade para superar na técnica. Entrar com o espírito de Libertadores, de entrega e de luta. Tomara que seja o início de uma virada na competição”, completou André.

 

 

Rosario Central com time misto

 

O Rosario Central, que a exemplo do Grêmio faz uma campanha ruim na Libertadores, desembarcou em Porto Alegre sem seis jogadores que atuaram no empate com o Tricolor no jogo da Argentina. A prioridade é reduzir o risco de rebaixamento no campeonato nacional. O Rosario atuará com um time misto na Arena. A trajetória do time argentino no torneio é semelhante ao time gaúcho. Foram três jogos disputados, um empate e duas derrotas. 



Fonte: Correio do Povo - Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP
 

Versão para impressãoVersão para impressão
 


-----...*As opiniões expressas nos comentários não condizem, necessariamente, com a opinião do grupo editorial do "Portal TiviNet" e estes são de responsabilidade de seus idealizadores.